Receitas/Recipes
Deixe um Comentário

Lasanha de Espinafres {Spinach Lasanha}

O Garfield ia gostar desta. E miúdos e graúdos, também! Taran!! Lasanha de Espinafres! Palminhas!!!

Tenho o costume de comer espinafres, pelo menos, uma vez por semana. Até porque o ideal é manter uma alimentação equilibrada e não abusar de alguns alimentos em detrimento de outros, como todos sabemos.

Pois bem, espinafres fazem bem (sem exageros)! Há mesmo um médico, o Dr. Ernest Scnheider, que destaca a importância deste legume, ocupando «o primeiro lugar, com grande vantagem, entre as hortaliças, pelo seu conteúdo em proteínas, vitaminas e elementos minerais». Já o povo árabe sempre afirmou que «o espinafre é bom para o fígado, remédio para a icterícia e laxante para a digestão».

Depois, aqui em Portugal, ele dura quase todo o ano. O que significa: frescura!! Querem coisinha melhor?

No entanto, deixo-vos uma nota: “poucos dias após a colheita os espinafres começam a perder nutrientes, pelo que devem ser consumidos o mais depressa possível após a compra, aproveitando sempre a água de cozedura para que não se perca nada do seu valor. De facto, após 8 dias no frigorífico a temperatura pouco baixa, os espinafres perdem cerca de metade dos nutrientes, pelo que se deve reduzir a temperatura e o tempo de conservação”.

Vamos à receita? Apontem lá no caderninho:

IMG_6520

  • Ingredientes (para 4 pessoas):
  • Folhas de massa de lasanha frescas (o ideal é mesmo preparem a vossa massa em casa – brevemente dou-vos uma receita -, mas podem ser de compra, para quem não atina a cozinhar massa fresca)
  • 1 molho grande de espinafres (fresquíssimos e biológicos, se possível)
  • 1 queijo grande fresco de cabra ou 1 requeijão
  • 6 tomates médios congelados
  • 1 cebola (cortada em meias luas)
  • 2 dentes de alho (picados)
  • 1 folha de louro
  • 1 colher de sopa de azeite
  • Vinagre balsâmico q.b.
  • Sal q.b. (mas mais para o pouco que os queijos já têm sal)
  • Pimenta q.b.
  • Queijo mozarela ralado q.b.

Mistura de espinafres

Retirar as folhas dos espinafres dos talos, lavar bem com vinagre de sidra, passar novamente por água e levar a cozinhar com água e uma pitada (mesmo pequena de sal), durante 10 minutos. Escorrer a água, espremer bem os espinafres, temperar com um pouco de vinagre balsâmico (não exagerem) e triturar com uma varinha mágica. Reservar.

Mistura de queijo

De seguida, moer o queijo fresco ou requeijão com um garfo e temperar, a gosto, com pimenta. Reservar.

Molho de Tomate

Para o molho de tomate, prefiro 1.547 vezes preparar o meu, que usar aquelas pastas cheias de corantes do supermercado. A melhor forma é mesmo utilizar os tomates congelados que temos no frigorífico, que sobraram do verão. Depois de retirar os tomates do congelador, colocam-se numa tigela com água muito quente, até começarem a pelar. Retiram-se todas as peles e cortam-se em cubos.

Num tacho, aquecer o azeite e alourar a cebola, o alho e o louro até a cebola ficar transparente. Juntar os tomates aos cubos e ir mexendo até uma boa parte da água evaporar.

Montar a lasanha

Num pirex, deitar uma colher do molho de tomate e espalhar sobre todo o fundo. Colocar uma folha de lasanha, seguida da mistura de espinafres; a mistura de queijo e nova folha de lasanha, até os ingredientes acabarem (não exagerem nos montantes entre cada folha, para não desmoronar). Terminar com uma folha de lasanha, que deve ser regada com o molho de tomate e polvilhada com queijo mozarela ralado.

IMG_6522

Delicioso!

Com amor ❤

Anúncios

Parece apetitoso? Comenta. {Does it look tasty? So, leave a comment}

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s